Ilha Grande – RJ – Brasil

DIA 1:

Saímos de Jacareí com destino a Angra dos Reis aonde pegamos a barca para passar três dias na Ilha Grande. Foram 4h30 de estrada até o Porto de Angra e no caminho paramos para pegar uns pastéis deliciosos no Bar do Chuveiro (R$33.60 – 4 pastéis) em Angra Mesmo – na altura do km 502 (quem me segue já sabe que sou fã desse lugar).

No mapa o Porto dá um pouco do lado mas o embarque da barca é bem nesse pontinho azul e é lá também que você compra o ticket para embarcar (R$17.30 por pessoa). Assim que achamos o local para comprar fomos deixar o carro no Ori Estacionamento – já tínhamos agendado online que era mais barato (R$30 por dia). Ah, fizemos uma comprinha no mercado ainda em Jacareí para poder economizar (R$108) já que nossa pousada teria cozinha. Para ir para Ilha Grande tem também a opção de Mangaratiba ou Conceição de Jacareí (essa fechada por enquanto) ou de flex boat – bem mais rápido e mais caro também.

Porto de Angra dos Reis
A bandeira verde lá em cima é o estacionamento

Pegamos a barca das 3:30 da tarde e levou 1h30 para chegarmos. Ficamos na Pousada Cachoeira (R$318.60 – 3 noites) e achei super gostoso lá – único ponto ruim é que tem uma subidona de uns 10 minutos para chegar nela então esqueça malas pesadas (ou vocês podem pagar algum dos carregadores de mala no porto de chegada para levar para você). Na verdade, nem aconselho levar mala ou muita coisa para Ilha Grande. Uma porque você passa o dia todo de biquíni e a noite de vestidinho e outra porque por lá não tem carro e as ruazinhas são de terra. Outra dica importante é levar dinheiro em espécie pois é comum acabar a energia por lá e o tempo pode virar a qualquer momento também. Uma vez sem energia não tem como passar cartão e na Ilha não tem caixas eletrônicos para sacar dinheiro.

Chegamos ás 5 da tarde na Vila do Abraao – principal vila e local de desembarque. Tem outras vilas também mas aí você precisa pegar um taxi boat para acessá-las. Fomos direto para a pousada deixar a mochila e descemos para jantar no Pizza na Praça (R$74.80) mas não achei muito gostosa não. Aproveitei para conhecer a Igreja de São Sebastião e comer uma tapioca de Nutella (R$15) de uma barraquinha que fica na frente dela. Fomos pesquisar passeios para fazer e vimos diversas empresas de turismo que fazem para a ilha toda – e para ilhas vizinhas também. O preço é o mesmo em todo lugar e algumas empresas revendem outras então no fim das contas é aonde o atendimento é melhor que conta. Uma conhecida que mora por lá, a @tatidemars me deu várias dicas e também recomendou a Equipe Athos (@equipeathos) e a Lanchas Ilha Grande (@lanchasilhagrande). Fomos nas duas e na primeira adoramos o atendimento do Philipe e acabamos fechando com ele. Deixo aqui o contato dele caso se interessem podem fechar direto – @philipenazar Whatsapp 24 981008938. Podem até falar que viram aqui e pedir um descontinho. Como tínhamos dois dias inteiro, optamos por Lopes Mendes (R$40 ida e volta por pessoa) num dia e Volta a Ilha (R$220 por pessoa) no outro. Na volta para a pousada passamos no mercadinho para comprar umas cervejas já que podia levar no passeio.

Igreja de São Sebastião

DIA 2:

Na alta temporada tem diversos horários de saída da escuna para Lopes Mendes mas quando fomos só tinha saída as 10 da manhã e retorno 3 da tarde – preferia ficar mais mas deu certinho para aproveitar. Foram 50 minutos de escuna até a Praia do Pouso (bem bonita também) e de lá tem a trilha para Lopes Mendes e a maravilhosa Praia de Santo Antônio (essa pouco visitada e conhecida – amei).

Praia do Pouso
Pranchas lindas na Praia do Pouso

Logo no começo da trilha vimos um esquilinho super fofo na árvore. Andamos por 10 minutos até a bifurcação e decidimos ir pra Santo Antônio primeiro – tem placa indicativa. Mais 18 minutos até chegar lá e a praia estava vazia, toda nossa. Ficamos lá curtindo, tirando umas fotos e mesmo com tempo nublado ela entrou para a favorita da Ilha.

Olha a cor do mar mesmo em um dia nublado
Praia de Santo Antônio
Eu e Ele

De lá voltamos até a bifurcação e mais 8 minutinhos estávamos na Lopes Mendes. Resumindo: Praia do Pouso – Praia de Santo Antônio 28min. Praia do Pouso – Lopes Mendes: 18min. Praia de Santo Antônio – Lopes Mendes: 26min. Isso em uma trilha tranquila com uma parte ou outra mais pesada mas num passo de boa. Recomendo muito fazer as duas praias num dia. Lopes Mendes é uma praia enoooooorme e ficamos no cantinho direito. Já é minha terceira vez nessa praia, na primeira foi quando mais me impressionou – hoje prefiro prainhas menores como a Praia de Santo Antônio – mas ela é muito linda sim. Ah, vimos micos na árvore enquanto estávamos na praia e muitos mais na hora de voltar na trilha. Muito legal!!

Lopes Mendes
Quase 3km de extensão

Chegamos no cais da Praia do Abrãao e subimos para pousada. Fizemos um macarrão de jantar e descansamos.

DIA 3:

Mesmo fechando com a Equipe Athos, esse passeio quem operou foi a Mariana Tour. Saímos do cais ás 9 da manhã num Flex Boat – tem opção de lancha mas bastante gente fechou e colocaram nesse que é maior mas bem potente e confortável também. E o solzão veio com força deixando o passeio – e as fotos – perfeito!

Cais na Praia do Abrãao

Cerca de 20 minutos e paramos na primeira praia: Praia do Caxadaço. A praia é super bonita e pequena e tem umas pedras no canto esquerdo que dá para subir e ter uma vista bem bonita da praia. Ponto negativo é que junto conosco chegaram mais umas 6 lanchas, ou seja, a praia e as pedras lotaram e não deu para curtir muito. Ficamos cerca de 20 minutos lá. Em alta temporada deve ser ainda pior mas a praia é linda.

Minutos antes de encher
Praia do Caxadaço

Seguimos para Praia de Parnaioca – essa já bem mais extensa mas muito bonita. No canto direito tem um riozinho que estava uma delícia – super refrescante a água. Por lá também tem uma igrejinha que pode ser visitada – visitamos só com o drone rs porque queríamos curtir a praia. Nessa praia ficamos mais tempo e foi muito bom.

Praia de Parnaioca
Riozinho em Parnaioca
Igrejinha em Parnaioca

Próxima parada era o lugar que eu mais esperava: Praia do Aventureiro. Foi amor a primeira vista! A gente atracou num cantinho do lado direito da praia e a cor do mar estava surreal. Aquele cantinho em si é o meu cantinho favorito da Ilha Grande. A praia é extensa e como falei prefiro praias menores então a praia preferida foi mesmo a de Santo Antonio mas o cantinho, ahhh sem dúvidas esse cantinho (junto com a Gruta do Acaiá que eu conheci numa outra vez e já falo mais).

Meu cantinho favorito
Do lado do cais

Outra coisa que eu amei lá foi subir no Mirante da Espia – uma pedra super alta que tem um coqueiro no topo e uma vista sensacional. Descendo no cais é só seguir pelas pedras a esquerda – não recomendo para quem tem medo de altura. Por último, assim como ir para Paris e não visitar a Torre Eiffel, não tinha como ir para a Praia do Aventureiro e não tirar foto no coqueiro deitado que fica na praia mesmo – cartão postal da Ilha. Mas confesso que gostei mais mesmo do coqueiro em cima da pedra hehe – achei incrível. Que praia! Que lugar!!!
Essa praia nem sempre é acessível pois depende e muito das condições do mar por estar em mar aberto então espero que você tenha a mesma sorte que nós!

Mirante da Espia
Vista do Mirante da Espia para a Praia do Aventureiro
Praia do Aventureiro e o famoso coqueiro deitado

De lá seguimos para a Praia dos Meros – outra praia maravilhosa e menorzinha com o mar super verdinho. Lá é cheio de peixinhos então leve seu snorkel – ou não – porque o mar é tão cristalino que dá para vê-los da superfície hehe. Também uma praia popular e com várias lanchas.

Praia dos Meros
Pisciana e peixinhos

Última parada da Volta a Ilha foi na Praia de Maguariquessaba aonde o pessoal almoçou no Restaurante Peixe com Banana mas a gente não conseguiu reservar a comida a tempo no FlexBoat – estávamos bem atrás e com o barulho do motor não deu para ouvir que horas era pra reservar, enfim. Ficamos então aproveitando o pôr do sol na praia antes de voltar para o Abrãao. E caso estejam se perguntando, não, não teve NENHUMA edição ou filtro em nenhuma dessas fotos – Ilha Grande é mesmo o paraíso.

Praia de Maguariquessaba

Chegando na Vila, subimos para a pousada, banho e descemos para curtir a vibe da Vila num sábado a noite. Estava bem cheinha, feira do hippie rolando, barzinhos e restaurantes cheios. Comi um bolo maravilhosoooo na barraquinha da Formigueiro Doceria Artesanal (R$10) @formigueiro.doceriaartesanal . Depois sentamos no Rei da Picanha (R$27.50) e tomamos umas caipirinha e de lá fomos comer uns petiscos no Rocko´s (R$48.40).

DIA 4:

Acordamos e já arrumamos as coisas para ir embora pois nossa barca de volta (R$17.30 por pessoa) para Angra saía as 10 da manhã. Tomamos um açaí (R$20.48 os dois) de café da manhã ali em frente ao cais enquanto esperávamos.

Acordamos com a visita dos micos nas árvores

Eu amo a Ilha Grande e voltaria com certeza pois tem muitas praias e lugares para conhecer. Como comentei, já fui para lá três vezes incluindo essa e dessa vez quis conhecer lugares que não tinha ido. Para uma primeira visita a Ilha ou também se o mar não estiver muito bom, vale muito a pena o passeio Meia Volta (já fiz duas vezes) que vai para Lagoa Azul, Lagoa Verde, Saco do Céu, Praia do Amor e Praia da Feiticeira (geralmente uns R$150-180). Lopes Mendes e Praia de Santo Antônio é a opção mais econômica de passeio como mencionei lá em cima (R$40 ida e volta). Além disso tem diversas trilhas – algumas mais fáceis e outras de dias depende do seu perfil. Uma que recomendo para quem é nível intermediário é a da Cachoeira da Feiticeira. Outro passeio que fiz e foi emocionante foi visitar a Gruta do Acaiá . Pra ir lá, depende muito também de como está o mar pois a gruta é de difícil acesso mas é linda e você dá um breve mergulho numa parte fluorescente que é causada por um feixe de luz no mar na fenda – chorei de emoção quando fui. Enfim, Ilha Grande tem opção para todos os gostos – e bolsos.

Cachoeira da Feiticeira em 2012

Investimos uma média de R$1300 para duas pessoas em três dias (tirando a gasolina). Esse valor depende MUITO dos passeios que fará lógico. No nosso caso, para um casal foi:

* Passeios: R$500
* Barca: R$69.20
* Comida e bebida: R$370
* Estadia: R$318.60
* Estacionamento em Angra: R$90

Mais fotos no meu Instagram: @ca.pelo.mundo

Próxima parada: Rio de Janeiro – RJ

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s