Hanoi – Vietnã

Confesso que a recepção em Hanoi não foi das melhores mas depois me apaixonei pela cidade e por esse país incrível que é o Vietnã. A moeda por lá é baixa e tudo custa vários mil Vietnamise Dong então confunde bastante a cabeça no começo. Peguei um táxi do aeroporto até o Hanoi Evergreen Hotel (recomendo!) e eu, como sempre, perguntei quanto custaria a corrida mais ou menos até meu destino. Ele falava pouco inglês (hoje já acredito que fingiu) então coloquei na calculadora do celular e ele colocou o valor. Já dentro do táxi percebi que o taxímetro não estava ligado e pedi que ligasse, ele só respondeu que tava quebrado e me pediu dinheiro para o pedágio da saída do aeroporto. Disse que não tinha trocado e pronto. Ele então colocou o meu mochilão no porta malas e disse que eu tinha que sentar no banco de trás pois era perigoso e a partir daí comecei a não gostar da história… Eu sempre salvo no mapa a localização do hotel para ver se o motorista está fazendo o trajeto certo e ele tava, então tentei relaxar. Chegando na porta do hotel, dei o dinheiro combinado pra ele e ele disse que não era aquele valor e me pediu 5 vezes o valor, disse que tinha que multiplicar pela quantidade de quilômetros e etc. Resumindo, antes de pagar pedimos pra pegar minha mochila no porta malas e pagamos o dobro do combinado, algo como $30 – o que é caro para o Vietnã mesmo sendo uma viagem de 40 minutos. Enfim, sempre chequem o taxímetro e fiquem espertos, porque eu acabei me ferrando.

Passado tudo isso, cheguei no hotel e recebi um upgrade para um quarto melhor – eba, a recepcionista era super gente boa! Pronto, já fiquei de bom humor de novo. Logo no check in reservei com ela o tour para Halong Bay (mais info na próxima postagem) e a passagem de ônibus de Hanoi para Hue. Tomei banho e fui conhecer a cidade. Primeira impressão: que loucura! Um trânsito simplesmente indiscritível, sem regras, pessoas de scooter levando de tudo – absolutamente de tudo. Vimos desde 5 pessoas (sim, 3 adultos e 2 crianças) em uma só motinho até uma mesa sendo levada por 2 pessoas.

OLYMPUS DIGITAL CAMERA
Motinhos estacionadas na calçada
OLYMPUS DIGITAL CAMERA
Eles levam tudo que se pode imaginar nas motos e bikes

Fui andando até o Hoan Kiem Lake aonde fica o Ngoc Son Temple (entrada VND 30.000). Ouvi dizer que existem várias tartarugas nesse lago por conta de uma lenda da Golden Turtle God – inclusive tem uma empalhada enorme dentro do templo. Achei bonito mas nada muito impressionante, dizem que a noite com a luzes fica bem legal mas não consegui voltar. Não vale a pena entrar, o bonito é mais de fora.

OLYMPUS DIGITAL CAMERA
Ngoc Son Temple
IMG_3285
Hoan Kiem Lake

Andei então até a St Joseph´s Cathedral, uma igreja estilo gótico que me lembrou a Catedral de Notre Dame em Paris. É a igreja mais antiga da cidade. Infelizmente vi só do lado de fora pois ela estava fechada.

IMG_3303
St Joseph´s Cathedral

O calor lá é absurdo e é muito úmido então aproveitei para tomar um sorvete para refrescar e ficar um pouco no arcondicionado também antes de seguir até a próxima parada: Hoa Lo Prison ( entrada VND 30.000).

IMG_3330.JPG
Hoa Lo Prison – imperdível!

Foi simplesmente o melhor lugar que visitei em Hanoi! Não dá para ir lá e não visitar essa antiga prisão. Posso ficar aqui descrevendo por horas o lugar mas para resumir esse museu conta a história da guerra dos EUA e Vietnã, entre outras partes interessantes da história vietnamita. Eu que amo história li cada quadrinho, cada pedacinho e sai de lá com os olhos cheios de lágrima e orgulhosa do povo vietnamita. É um must see!

IMG_3328
Parte da prisão

Morta de fome, fui almoçar num restaurante que a recepcionista super gente boa me recomendou, chamado Little Hanoi. Comi bem para caramba pagando pouco, tomei um suco natural delicioso e o melhor é que a cerveja custava apenas $1. Para quem não sabe, o Vietnã tem a cerveja mais barata do mundo!!

PB110315.JPG
Hora do almoço – Little Hanoi

O restaurante ficava ali pertinho do hotel, voltei para descansar um pouco, tomar outro banho e fui conhecer o Night Market. Nada de mais, só umas roupas na verdade mas como era caminho do restaurante que ia jantar foi ok.

PB110318.JPG
Night Market

Jantei no Quan Bia Minh, super recomendo também. Comi um rolinho primavera de siri que era dos deuses – deu até água na boca de lembrar. O restaurante tem dois andares e lá de cima dá para ficar vendo a loucura das ruas e se divertindo com as motinhos que passavam.

OLYMPUS DIGITAL CAMERA
Rolinho primavera de siri

Passei no lugar mais famoso da cidade: Bia Corner (Bia é cerveja em vietnamita)! São quatros esquinas cheias de barzinhos que vendem cerveja a $0,30, isso mesmo. O lugar tem uma energia muito divertida, todo mundo rindo e você senta em uns banquinhos super pequenos todo mundo meio que junto. Fiquei lá a noite toda (fecha meia noite, a polícia que vem fechar tudo rs) e acabei conhecendo dois caras super gente boa da Suécia e Polônia.

OLYMPUS DIGITAL CAMERA
Olha o tamanho dos banquinhos

Aproveitei para acordar tarde no dia seguinte e por volta do meio dia fui para o Temple of Literature (entrada VND30.000). O mais legal foi chegar lá e ver diversos estudantes todos arrumadinhos, era dia de formatura deles.

IMG_3337
Temple of Literature
OLYMPUS DIGITAL CAMERA
Foto da foto

De lá, fui até o Ho Chi Minh Mausoleum mas já sabia que estaria fechado para visita. Ele abre apenas de Janeiro a Setembro, o restante do tempo é fechado para restauração. Atrás dele fica também o Ho Chi Minh Museum, passei só em frente.

IMG_3377
Ho Chi Minh Museum
IMG_3394
Ho Chi Minh Mausoleum

Nessa região conhecida por Ho Chi Minh Complex, é possível visitar o Presidential Palace (entrada VND25.000). O mais interessante é que quando Ho Chi Minh assumiu Hanoi e o Norte do Vietnam, ele se recusou a morar no palácio pois não queria luxo. Foi construída uma casa pequena – aberta para visitação – pois ele queria morar da mesma forma que os funcionários.

IMG_3408.JPG
Presidential Palace

Bem pertinho também fica o One Pilar Pagoda, um pequeno e super charmoso templo no meio de um parque. Por ali comi umas frutas – o Vietnã tem as mais doces e suculentas que já comi no mundo todo – e descansei um pouco.

IMG_3383.JPG
One Pilar Pagoda

Na volta pro hotel passei em frente a Citadel e Army Museum, pareciam bem interessantes mas já estava bem cansada. O calor dificultou conseguir andar mais por lá – e olha que nem era verão.

OLYMPUS DIGITAL CAMERA
Citadel
OLYMPUS DIGITAL CAMERA
Army Museum

Depois que o sol se pôs fui jantar no Little Hanoi de novo. Eles tem um prato com camarão, castanha de cajú e legumes sensacional. Assim como as frutas, os legumes lá são extremamente saborosos! E lógico que esse prato vem acompanhado de uma boa porção de arroz – costume herdado da época que eles faziam parte da China.

pb120385.jpg
Little Hanoi de novo

Depois do jantar, mais uma cervejinha no Bier Corner e cama. Tinha que acordar cedo no dia seguinte porque a próxima parada era Halong Bay!

PB120386.JPG
Preço das Bia (cervejas)

País 39 – Vietnã: CHECK!

12208345_10207248172215832_3194843492366397272_n

 

 

 

 

Um comentário sobre “Hanoi – Vietnã

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s