Bolonha – Itália

Pegamos o trem cedo de Florença para Bolonha que fica 1h30 sentido norte. Amei ter feito todos esses trechos de trem, super confortável, rápido, prático e por termos achado uma promoção pela Trenitália ficou bem barato também. 

O tempo estava bem fechado por lá e mais friozinho, primeiro dia que usamos alguma jaqueta na Itália. O hostel que ficamos chamava Il Castelo e ficava quase dentro da estação de tão perto, apenas 3 minutos caminhando. Deixamos as coisas no hostel e fomos em busca da Nutelleria pois eu tinha lido uma vez na internet que tinha em Bolonha e Frankfurt na Alemanha. Pra quem não sabe, Nutelleria é um lugar aonde tudo é feito de Nutella (desde panquecas a pizzas) – vulgo paraíso – e para a minha decepção ela havia sido fechada há uma semana. Maior decepção da viagem!!! Perguntamos no hotel que ficava ao lado e nos disseram que também não sabiam e entendiam porque tinham fechado já que sempre tinha filas imensas na porta e atraia muita gente. Triste.

Saímos caminhando pela cidade e achamos uma feirinha de rua, comi tipo um sonho com Nutella. 

 

Bolonha é muito famosa pelas boas comidas e massas caseiras então depois de passar pelos pontos turísticos como Two towers of Bologna, San Petronio Basilica (em reforma), Archiginasio of Bologna, Palazzo D’Accursio e Piazza Maggiore fizemos uma pausa para o almoço.

IMG_2027.JPG
Fonte de Nettuno
San Petronio Basilica 
Palazzo D’Accursio
Piazza Santo Stefano 
Piazza Maggiore
Os muitos arcos de Bolonha

 

Piazza del Nettuno

O restaurante chamava Tamburini e tinha diversas massas e acompanhamentos (contorni) para escolher e optei por um tortellini – a bolognesa lógico e um contorni de brócolis. Estava tudo divino! 
Além de poder comer ali tudo fresco na hora, você ainda pode comprar para fazer em casa os tortellinis e outras massas de fabricação própria, além de salame, mortadela, presunto e derivados, vale a pena a visita. 

Tortellini a bolognesa

 

IMG_2075.JPG
Salame, mortadela…
Massa “freschissimi”

Demos mais uma volta na cidade mas por ser dia de semana estava tudo bem vazio. Achei que o ideal seria fazer um passeio guiado com algum local para saber mais sobre a cidade que é famosa também por algumas lendas mas fizemos tudo sozinhos. É bem bonito ver todos esse monumentos em uma só tonalidade, dá uma certa personalidade para Bolonha. Antes de voltar pro hostel ainda deu tempo de comer uma sobremesinha: crepe com Nutella. Já que não tinha Nutelleria, foi em um restaurante local na mesma rua chamada Magnifico.  

Difícil escolher
Pequeno pote de Nutella

Depois de ter caminhado e comido o dia todo decidimos ir pro hostel descansar e dormir cedo pois o trem partiria cedinho para Milão, nossa última parada por essas bandas italianas. 

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s