Fuji e Yokohama – Japão

Eram 5 horas da manhã quando o despertador tocou, estava dada a largada para nossos últimos dias no Japão e pra fechar com chave de ouro pegamos 4 dias para conhecer o Monte Fuji, Yokohama e a capital Tokyo. 

Saimos cedinho de casa para poder aproveitar o dia e depois de 4hs chegamos no pé do Monte Fuji. Infelizmente o tempo estava um pouco nublado e não conseguimos vê-lo então decidimos subi-lo. E sobe, sobe, sobe…. subimos 2400 metros de altitude, o limite máximo que dá pra chegar de carro. 

2400 mt

Para chegar no topo dos seus 3776 metros somente de trilha, segundo o mapa, cerca de 3 horas de subida. O costume local é subir antes do amanhecer para ver o sol nascer e já anotei na minha lista, ainda volto pra cá pra escalar o Fuji! 

Mapa das trilhas

Enquanto estava lá consegui ver bem rapidinho o topo, rápido o suficiente para tirar uma foto. Mesmo sem conseguir ver ele inteiro e nao ter neve no topo foi emocionante essa experiência de pisar em solo vulcânico e não em qualquer um. 

Um pouquinho do topo do Fuji sem neve
Solo vulcânico

E desce, desce, desce…. o Monte Fuji é tão grande que tem várias cidades ao redor dele e para dar a volta nele todo gasta-se algumas boas horas. Outra coisa interessante é que para os japoneses, um santuário não precisa ser algo construído, pode até ser uma árvore específica e como se pode imaginar, o Monte Fuji é um santuário para eles.

De lá seguimos para Yokohama, mais 1h30 de estrada e lá estávamos. Deixamos o carro no estacionamento e fomos caminhar pela região do pier de Osanbashi. Achei lindo o caminho, gostei de ver os prédios refletindo na água. 

Yokohama
Osanbashi Pier

Seguimos até a maior China Town do Japão, nada muito interessante na verdade, só para comprar comidinhas e roupas baratas. Comemos no konbini e fomos para o Yamashita Park pegar o fim de tarde. Adorei ver as luzes se acendendo aos poucos, uma mistura de cores iluminaram os prédios e monumentos.  

Chinatown

Um dos cartões postais da cidade é a Yokohama Bay Bridge e o melhor lugar para vê-la é do pier, muito interessante por sinal. Continuamos a caminhada até o Red Brick Warehouse e para nossa surpresa estava acontecendo o Oktoberfest, o famoso evento cervejeiro alemão. Foi engraçado ver os japoneses vestidos com as roupas típicas alemãs. 

Yokohama Bay Bridge
Red Brick Warehouse

Entramos no Oktoberfest, o pessoal decidiu experimentar as cervejas e eu aproveitei para jantar e relembrar meus tempos de Europa: salsicha branca e pretzel! Delícia! 

Oktoberfest

Decidimos seguir viagem e dormir em Tokyo pois estávamos somente 40 minutos da capital e assim teríamos o dia todo para aproveitar por lá. Achamos um motel e capotamos. 

Um comentário em “Fuji e Yokohama – Japão

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s